luxacao-acromio-clavicular-17022016225353 (1).jpg

Luxação Acrômio Clavicular

 

A luxação acrômio clavicular é uma lesão que normalmente ocorre devido a um trauma direto no ombro (queda de bicicleta e artes marciais são alguns exemplos de trauma direto).

A articulação acrômio clavicular (AC) é localizada no topo do ombro, onde uma parte da escápula que recebe o nome de acrômio se articula com a clavícula. Esta não possui a mesma mobilidade que toda articulação do ombro, pois se movimenta apenas quando o braço é colocado acima da cabeça. A articulação AC é estabilizada pela cápsula, ligamentos e pela estrutura muscular. 

Baseada na radiografia do ombro, a literatura médica classifica as luxações em 6 tipos, os quais determinam o tratamento a ser realizado.  
 

O tratamento 

Normalmente os tipos 1, 2 e 3 de luxação não requerem o tratamento cirúrgico, este pode ser realizado com imobilização em tipoia simples, analgésicos e fisioterapia. Nesses tipos de luxação, os pacientes apresentam uma recuperação total, sem alguma limitação ao final de 6 semanas. Entretanto, pacientes que são atletas que fazem atividade com o braço acima da cabeça (vôlei e tênis) ou trabalhador braçal podem apresentar sintomas de dor persistente e podem necessitar de cirurgia. 

Os tipos 4, 5 e 6 necessitam de redução e fixação da articulação, para isso existem inúmeras técnicas cirúrgicas. Normalmente, o tempo de recuperação da cirurgia é 3 meses, dentro do qual há um período de imobilização.